quarta-feira, 6 de março de 2013

Cidade dos Ossos - Cassandra Clare



- Isabelle - Hodge disse pacientemente -, este é o homem que infligiu a Idris uma destruição como jamais se viu, que jogou  Caçadores de Sombras contra os membros do Submundo e fez as ruas da Cidade de Vidro ficarem repletas de sangue. pág 153

                                                                              ***

Eu ando um pouco estressada e estava mesmo precisando ler um livro despretensioso, só para distrair. E fiz uma ótima escolha. Cidade dos Ossos é o primeiro volume da série Instrumentos Mortais. É um livro adolescente sobrenatural com anjos, demônios, vampiros, lobisomens, bruxos etc.

Clary tem 15 anos e acredita que é uma garota normal, em uma família normal. Vive com a mãe já que seu pai, pelo que soube, morreu antes de ela nascer. Ela tem um melhor amigo: Simon. Em uma noite, em uma boate, Clary presencia um assassinato cometido por outros adolescentes tatuados e com armas estranhas, mas só ela consegue enxergar.

Clary se aproxima desses adolescentes. Eles são Jace, um garoto de 16 anos e os irmãos Isabelle e Alec. Eles são Caçadores de Sombras, ou Nephlins, meio anjo, meio humanos que matam demônios.

Quando a mãe de Clary desaparece e monstros a atacam em sua casa, Jace a leva para um lugar que chama de O Instituto e lá ela conhece Hodge. Clary descobre que ela também é uma Caçadora de Sombras, assim como sua mãe. A partir daí muitas coisas mudam na vida de Clary e muita coisa ainda precisa ser desvendada a respeito de sua origem e desse mundo de seres sobrenaturais que, até então, Clary não conhecia.

O livro é ótimo, divertido, cheio de ação e com uma Mitologia bem elaborada. Os personagens são divertidos e sarcásticos. Tem um pouco de romance, mas ele não é o principal na história que gira em torno da ação e de um certo mistério. Dá para notar a influência que Cassandra Clare teve de J. K. Rowling. A história tem muitas semelhanças com Harry Potter e o humor também é parecido, mas é uma história diferente e que me prendeu do início ao fim.

O final é uma deixa para o próximo livro. Não tem como não ficar com vontade de saber o que acontece depois. A narrativa é em terceira pessoa, com uma linguagem bem fluida e com umas tiradas bem divertidas. Gostei muito. Vale a pena para aqueles dias em que só se quer diversão sem muita reflexão.

Avaliação: ★★★★

Cidade dos Ossos
Cidade das Cinzas
Cidade de Vidro
Cidade dos Anjos Caídos
Cidade das Almas Perdidas
Cidade do Fogo Celestial (ainda não publicado)


Eu tinha pensado em fazer um post falando sobre como eu avalio os livros, mas decidi escrever rapidinho aqui mesmo. Eu avalio os livros de acordo com o que eles se propõem e não fazendo comparações com outros totalmente diferentes. Não li este livro, por exemplo, esperando a profundidade de um Tolstói, mas sim esperando me distrair. A história é muito boa, prendeu minha atenção e me divertiu muito. Então mereceu as estrelinhas. E é assim que avalio todos eles.

Não estou querendo me justificar não rs. É só que andei lendo umas resenhas em que as pessoas falam mal de livros justificando que não gostaram porque acharam infantil ou sei la o que. Ora essa, lê um livro infanto-juvenil e não gosta porque é infantil? Oi? É como ler uma história de terror e dizer que não gostou porque é assustadora ou ler um romance erótico e dizer que achou que tem muito sexo rs. Achei algumas avaliações equivocadas e por isso resolvi falar sobre como eu avalio. :)

Até a próxima.
Beijos.

Comente com o Facebook:

15 comentários:

  1. Oi Nádia!

    Delicinha esse livro, né? Como você falou, para relaxar, mas também é envolvente.

    Também acho esquisito esse pessoal que se propõe a ler um livro infanto-juvenil e depois critica o livro justamente por isso. Oi? Concordo com você, a avaliação tem que ser de acordo com o que o livro se propõe a fazer. Também procuro fazer assim. Talvez a exceção foram os livros da Irmandade da Adaga Negra. Não porque eu não goste de livros eróticos (não curto muito mesmo, mas não foi por isso), mas porque eu achava que a série era uma coisa e é outra. Se não me engano, nem está classificado como erótico, mas em retrospecto, eu devia ter percebido. Ainda assim, tentei ir para frente, mas não consegui. E nem estou pensando que esse comentário tenha sido dirigido a mim especificamente, mas é que me fez pensar. só isso.

    Beijos!



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, Fê. Envolvente e delicioso. Adorei! Já comecei a ler o segundo. Não resisti rs.
      E eu não estava de forma alguma falando de você. Entendi perfeitamente a sua crítica em relação ao à série Irmandade da Adaga Negra. É uma série de romances sobrenaturais e sensuais e deram muito mais importância às cenas de sexo como você falou ficando quase pornográfico. Eu dei só o exemplo mesmo, mas na verdade as críticas que li foram em relação a livros infanto-juvenis como Harry Potter. Um cara deu 2 estrelas só porque achou infantil. Oi?
      Beijos.

      Excluir
    2. HAHAHAHA "Ficou quase pornográfico" XD Isso que é eufemismo! E acho que a classificação desse livro está errada. No site da saraiva está na categoria literatura estrangeira/ romance. Se não me eengano, no livro mesmo está assim. E me senti enganada depois de ler.

      Beijos!

      Excluir
  2. As vezes um livro despretensioso é tudo que precisamos! E Cidade dos Ossos ganhou 4 estrelas, vai para a lista!

    E a proposito, seus critérios de avaliação meio que batem com os meus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma delícia, Pandora. Leia sim. :)
      Beijos.

      Excluir
  3. Eu gosto tanto desse livro que chega a doer *perceba minha emoção ao falar isso* Adoro demais a Cassie e esse é o livro mais fraquinho dela, portanto eu aposto (e torço muito!) que essas quatro estrelinhas virarão cinco quando você ler Cidade das Cinzas. Perfeito demais. JACE PERFEITO DEMAIS! *----*

    Gislaine Alves
    atualizado, comenta?
    Jeito Inédito

    ResponderExcluir
  4. Oi, Nadia! Tudo bem? Comecei a ler esse livro ano passado mas acabei deixando de lado. Achei ele um tanto confuso no começo e acredito que não era o melhor momento para a leitura. Pretendo retornar a leitura ainda esse ano, antes do filme. Vou ver se compro CDC pra quando terminar de ler CDO começar logo e não ficar na ansiedade pela continuação.

    Beijos, Leitura da Vez.

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Me desculpe por não comentar sobre o post hoje, mas preciso dar um recado que está pendente.
    Prometo voltar, e comentar! Se você quiser, claro!
    Me ausentei por um tempo de muitos blogs, e quero recuperar esse tempo perdido, e quero ficar mais perto de novas pessoas, e fazer amigos. Não quero enfrentar o blog como uma concorrência, mas quero ajudar muitos outros a fazerem sucesso, sabe? Então, quero dizer para você, que se quiser alguma ajuda, conte comigo, que em que eu puder, sério, o que estiver em meu alcance, farei. Pois gostei muito do blog, e quero poder voltar sempre aqui!
    E quero também dizer, que se você quiser "postar" por um dia, em meu blog, sobre qualquer assunto, sinta-se a vontade em me dizer! Você pode falar tando no twitter, quanto pelo facebook, porque se for pelos comentários no blog, pode demorar um pouco.
    Então é isso. Me desculpe por qualquer incoveniência, e se quiser minha amizade, adiciona no facebook ou no twitter, podemos bater um papo! (o facebook e o twitter estão disponiveis na página inicial do blog!)
    Ah, e feliz dia internacional das mulheres, atrasado! (sempre sou atrasada!)

    Obrigada pela atenção, e mais uma vez, me desculpa?
    (se não quiser minha amizade, aceitar desculpas por não comentar agora sobre o post, me ignore, mas me deixa em alerta antes!)


    @esteffanifontes, do blog Aos Dezesseis Anos
    aosdezesseisanos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Gostei da avaliação, acho que me interessaria por esse livro, quem sabe. :B
    E também concordo com a maneira que você usa para avaliar, acho muito ridículo quando vejo uma resenha e a pessoa faz como você disse, diz que não gostou pq achou muito erótico, sendo um romance do gênero. Meio que não faz sentido né? Haha.

    Beijos!
    http://www.quaseatoa.com/

    ResponderExcluir
  7. vou ler esse livro esse ano de qualquer jeito! ja vi muitas resenhas boas e falando muito bem, mas tb ja li algumas falando mal justamente pelo que vc disse... Tb uso esses criterios pra avaliar.. nao entendo como tem gente que classifica um livro de forma negativa por achar infantil demais, sendo que o publico alvo do livro são crianças e adolescentes.. vá ler outra coisa, então! Eu heim! acredita que ja ate pensei em fazer um post sobre isso la no blog? ahahahahaha um dia vou fazer...

    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

    ResponderExcluir
  8. Nunca li mas parece ser ótimo! Adorei seu blog, realmente muito incrível, tem tudo para fazer o maior sucesso; Já estou seguindo, segue o meu também?
    www.espacegirl.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Gabi. Bem vinda ao blog.
      Vou visitar o seu agora. :)
      Beijos.

      Excluir
  9. Nadia, eu nunca avalio um livro comparando com outro, por dois motivos: o momento em que eu li e ao que se propunha o livro. Por isso sou capaz de dar cinco estrelas até para romance de banca!
    bjs e boa semana
    Jussara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha. Adorei, Jussara. Certíssima! :)
      Beijos.

      Excluir
  10. Os livros dessa autora quero muito e com certeza vou comprar no meu nível, amei sua resenha e suas explicações finais e concordo sobre a forma como devemos avaliar os livros; as vezes eu avalio comparando os livros do mesmo autor, entendes!!!!!????? Bjos e sucesso.

    P.s. faz um banner do seu blog!!!!

    ResponderExcluir

Adoro comentários e respondo aqui mesmo, conforme eu vou lendo.
Gentileza gera gentileza.
=)