quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Liberta-me - Tahereh Mafi



MAFI, Tahereh. Liberta-me. Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora, 2013. Título original: Unravel me. 444 p.

"Seus lábios são mais macios do que qualquer coisa que já conheci, macios como a primeira neve, como morder algodão doce, como derreter e flutuar e não ter peso na água. É doce, é doce sem fazer esforço." p. 382

Liberta-me é o segundo livro da trilogia Estilhaça-me que começou com Estilhaça-me.  Eu gostei do primeiro, mas esperava mais. Achei pouco original, apesar de ter achado a escrita da autora lindíssima e cheia de estilo. Mas Tahereh Mafi evoluiu muitíssimo. O segundo livro da série (e da autora) superou e muito as minhas expectativas. Eu simplesmente amei o livro!

A partir daqui contém spoilers do primeiro livro da série. Você foi avisado.

Depois de fugir da prisão onde viveu nos últimos meses e encontrar o Ponto Ômega, quartel da resistência, Juliette aprende mais sobre seus poderes e treina para conseguir controlá-los. Juliette está menos confusa, porém seus pensamentos continuam intensos e acelerados, o que a autora consegue mostrar muito bem através de sua escrita peculiar. Ela não pode tocar em ninguém pois seu toque é poder letal. Somente seu namorado Adam e Warner também  pode tocá-la. Porém Juliette descobre algo que a faz se afastar de Adam. Adam tem um poder que anula os poderes de todos os outros quando está perto. Porém ele o faz com um grande sacrifício e gasto de energia. Inclusive isso pode matá-lo. Juliette sofre muito com a separação mas está decidida a se afastar de Adam de vez, ao mesmo tempo que está cada vez mais envolvida com a resistência.

Numa das missões do Ponto Ômega, Juliette encontra Warner e percebe que por trás daquela crueldade e frieza toda, existe uma pessoa capaz de gestos de bondade. Ao longo da história, Warner se mostra mais humano e sua história de vida marcada por maus tratos e falta de amor de seu pai abusivo vem à tona. Anderson, pai de Warner e líder do Restabelecimento, é o grande vilão da história. E uma revelação a seu respeito tem grande importância na trama.

Enquanto se afasta de Adam, Juliette acaba se aproximando de Warner e a narrativa pega fogo. Como no primeiro livro, os sentimentos de Juliette são intensamente explorados e descritos. O livro é todo psicológico. Toda a ação é mostrada através dos sentimentos de Juliette, narradora personagem. Os personagens são muito mais elaborados neste segundo livro, especialmente Warner. Ainda que sempre descritos através dos olhar e sentimentos de Juliette. Ele é o melhor personagem, depois de Juliette. Também gosto muito de Kenji, amigo que Juliette faz no Ponto Ômega.

A história é intensa, quente, forte, romântica e com uma escrita belíssima! Ainda acho que o Restabelecimento, regime de governo totalitário instalado por Anderson, deveria ser melhor explorado. Ainda assim achei o livro muito bom e com mais ação que o primeiro! Preciso do volume final da trilogia! A capa deixou a desejar em relação à primeira, toda brilhosinha. Ela é bem feinha. Mas a diagramação e interessante, as folhas são amareladas e a fonte tem um ótimo tamanho, o que facilita a leitura.

Avaliação: ★★★ 

Até mais.
Beijos e boas leituras. :**


Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. Eu paquero essa história há mais de ano literalmente, acho que agora vou esperar pelo lançamento do volume final para adquirir os três de uma vez lá pelo segundo semestre, de preferencia em uma promoção rsrsrs... Fico feliz em saber que a autora evoluiu e que você continua gostando, significa que corro o risco de não me arrepender. E sim, concordo: a capa é feinha!

    Cheros Nadia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pandora.
      Também tenho procurado comprar séries completas, quando possível. E tenho fugido de séries longas. No máximo trilogias, mas sempre acabo saindo dessas regras :)
      Estou gostando bastante sim. :)
      Beijos.

      Excluir
  2. Eu acho o Warner o melhor personagem. Ponto. rsrsrs
    Gosto mais dele que dela, pra ser sincera. Pelo menos como personagem. Fiquei irritada com o primeiro porque achei que ele havia sido pouco desenvolvido.

    Também acho que a escrita da autora evoluiu muito. Achei melhor esse segundo livro.

    Beijos,
    Carissa
    www.carissavieira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carissa.
      Mal posso esperar pela conclusão da trilogia. :)
      Beijos.

      Excluir
  3. Ei Nadia

    Warner é tudo de bom, ele realmente mudou a série. Eu gostei desde o primeiro, mas este foi ainda melhor.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O, Nanda.
      Sim, o Warner é tudo e deixa a história bem mais interessante. :)

      Beijos.

      Excluir
  4. Muito tenho lido sobre essa trilogia, mas confesso que ainda não li nada. Estou curiosa.

    Beijos,
    Nina & Suas Letras

    ResponderExcluir
  5. Oi Nadia!
    Estou com esse livro aqui faz um tempo, mas sinto que já esqueci alguns detalhes do primeiro e vou acabar ficando um pouco perdida nesse. Vou reler em breve para poder finalmente ler Liberta-me.

    Beijos,
    Bia Sampaio
    http://www.epilogosefinais.com/

    ResponderExcluir
  6. Eu também ADORO o Warner, o melhor personagem pra mim! <3
    Sério, a Tahereh vai nos matar no terceiro livro, só digo isso.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  7. Bom saber sua opinião sobre esse livro, ele será uma das minhas próximas leituras. Adoro a autora e essa história. Ansiosa pelo próximo livro da série!!! Bjos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  8. Abaixo um comentário que apaguei sem querer. Desculpe-me Alana.

    Alana Homrich comentou:

    Oi Nadia, tudo bem?
    Confesso que tive curiosidade em ler o primeiro volume dessa série, mas acabou passando. A história parece ser legal, mas sou meio fútil e atraída por capas, e essas não são nada bonitinhas, né?
    Além disso, tô cansando um pouco de romances, tentando ler outros gêneros.
    Mas parece ser uma ótima história mesmo!

    Beijos,
    alanahomrich.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou desativar a moderação de comentários por enquanto. Não está sendo necessário no momento e quero evitar acidentes como este. ;)

      Excluir

Adoro comentários e respondo aqui mesmo, conforme eu vou lendo.
Gentileza gera gentileza.
=)